A situação de Domenèc Torrent, continua conturbada após toda a repercussão do 5 a 0 sofridos pelo Flamengo na ultima partida da Libertadores. Mas o Vice do Rubro-Negro, Marcoz Braz, está sendo um “apaziguador” em relação a todo ambiente de tensão que envolve o treinador. Ao menos é o que ele vem tentando.

Braz deixou claro que “o Dome está dentro de um planejamento” e que “em nenhum momento foi discutida sua saída”. O vice do Mengão menciona que a responsabilidade da cartada final é do presidente, Rodolfo Landim. Mas ele não nega que a situação é de “desconforto e desconfiança”, isso porque os dirigentes e sócios do clube continuam pressionando a decisão de demitir o treinador espanhol.



RELACIONADAS




Em torno de uma discussão a outra, o jogo de terça contra o Barcelona-EQU, ganhou ar de final de campeonato.

“Essa derrota tem sempre impacto, foi um 5 a 0. Lógico que acende um alerta, lógico que fica todo mundo desconfortável. Perder de 5 a 0 não é esperado, a gente sempre faz análises. A programação está feita até terça-feira e para o jogo contra o Palmeiras (dia 27 de setembro)”, disse Braz.

Marcoz Braz, VP do Flamengo Foto Alexandre Vidal Flamengo
Marcoz Braz, VP do Flamengo – Foto: Alexandre Vidal /Flamengo

O clima ficou quente mesmo, após o anuncio do grupo politico do Flamengo, o FlaFut, onde eles exigiram a demissão imediata de Domenèc Torrent. O vice, Marcoz Braz diz “entender o posicionamento do FlaFut”.

Braz também descartou qualquer divisão da diretoria, principalmente entre ele e Eduardo Baptista, o Bap, Vice de relações internacionais, que vinham trocando farpas.

“Já teve momentos piores [com o Bap]. Estamos há 5 dias viajando, ele tem uma participação importante na parte de construção de orçamentos. É uma pessoa importante e tem o seu tamanho na diretoria. Temos um modelo de gestão impetrado pelo presidente. A relação é institucional e cordial. Quando perdemos, não é qualquer grupo que fica junto” – disse ele

Jogadores e comissão no momento

Dentro da confusão toda que a goleada gerou, os jogadores e comissão estão mais “isolados” para serem preservados da guerra de bastidores e a disputa interna.

O fato é que, Domenèc vem tendo Marcoz Braz como um bombeiro para apagar as suas “altas temperaturas” e o treinador vai ganhar um pouco mais de ar para respirar. Neste domingo (20) Dome fará uma nova atividade com o elenco.

O Flamengo terá sua próxima partida, pela Libertadores, nesta terça-feira (22), contra o Barcelona de Guayaquil, às 19h15, no Monumental.

Para Domenèc é: ganhar ou ganhar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui