Pode comemorar nação, o Flamengo novamente é campeão do Brasileirão. O jogo não foi como se esperava. O São Paulo foi outra vez uma pedra no sapato Rubro Negro, mas o que importa é o título ele veio. Com muita garra e luta, o Mais Querido passou o campeonato inteiro sem chegar na liderança. Mas como um gol no ultimo minuto do segundo tempo, o Flamengo passou o Inter. Sendo assim, campeão pela oitava vez em sua história do Brasileirão.

O Rubro Negro entrou em campo um pouco nervoso e ansioso pelo título. Teve as principais chances do primeiro tempo. Foi mais posse de bola e mais escanteios, mas em uma falta despretensiosa, viu o São Paulo abrir o placar. O segundo tempo voltou com sede de quem buscava a virada, logo aos cinco minutos, viu Bruno Henrique, rei dos clássicos, empatar a partida. Tudo parecia certo para o Flamengo virar, mas em uma saída de bola errada, Hugo mandou no peito do Daniel Alves que ajeitou e mandou para Pablo marcar. Com isso, a partida esfriou de vez e o Fla se viu secando o Internacional no final do jogo.

Rogério conquista seu 1º Grande titulo como técnico


RELACIONADAS




Tropeços a parte, o fato é que Flamengo vai dormir feliz (isso se dormir, né?) e o título vai continuar no Rio de Janeiro. Foi um ano muito conturbado, com dificuldades devido a Covid-19. Algumas controvérsias em relação a técnicos e diversas idas e vindas.

Flamengo é bi de novo

Com o título de hoje, o Flamengo conquistou novamente um bi do Brasileiro. Igualou feito do time que marcou época na década na década de 80. Antes da dobradinha 2019/2020, o Rubro-Negro havia vencido a competição duas vezes consecutivas em 1982/1983, quando contava com Zico, Júnior, Leandro, Adílio, Andrade e companhia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui